RSS Feed

As crônicas de Fedors - Os livros de esteros

Posted by Aldemir Alves da Silva


Olá pessoal!

Desta vez estou criando mais um post com o intuito de dialogar mais sobre a continuação da série; As Crônicas de Fedors. 

Como todos já devem saber, o segundo livro foi retirado do mercado para reestruturação da história, como fiz com o primeiro. A boa notícia é que eu já terminei esse processo e no momento estamos cuidando das ilustrações, da capa, revisão, e outras coisas.

O segundo livro narrará fatos importantes sobre a mitologia de esteros, explicará um pouco sobre o surgimento das pedras espirituais, sobre os anjos rebelados do paraíso e os deuses do Universo. 

As coisas mudam na cabeça de um escritor conforme a história progride, e outra novidade será à revelação de Fedors que entregará a sua identidade logo nesse segundo capítulo.

O que mais me chamou atenção nas resenhas do primeiro livro foi a afinidade dos leitores com o vilão, Vamcast, percebi que os leitores se afeiçoaram ao vilão... isso é algo muito interessante e incomum nos livros e nas séries televisivas, acho que essa recepção foi ótimo para Esteros. 

Esse segundo livro aborda mais da trajetória de Andor e narra os acontecimentos pós guerra, dando destaque para o mundo de esteros e o caos que domina os reinos depois da morte de Mussafar. O medo paira sobre Naires e a esperança de um herói salvador faz com que os povos sobrevivam mediante a opressão de um tirano cruel e sanguinário.

Eu acredito muito nessa série, amadureci muito desde o meu primeiro livro, e cada livro vendido, cada resenha na web, me deixa mais confiante a continuar escrevendo As crônicas de Fedors.

Quem ainda não leu o primeiro livro não percam tempo, aproveitem a segunda edição fresquinha.  vendas pelo site da Editora Selo Jovem. E se preparem porque; O início da esperança deve estrear no comecinho de 2015 e promete ser ainda melhor do que o primeiro!


Livros de Fantasia, os livros de esteros, autor Aldemir Alve

Posted by Aldemir Alves da Silva


                                                                               
                                                                          autor

Aldemir Alves nasceu em 1981 em Uberlândia /MG – Brasil. Atualmente trabalha como Design gráfico e co-editor na Editora Selo Jovem. É um autor brasileiro contemporâneo, logo com o seu primeiro livro publicado  em 2011 começou a se destacar no cenário de fantasia, tendo novas oportunidades para publicar seus livros em algumas editoras. Escreveu histórias de fantasia épica, sobrenatural, e contos baseados no mundo de Esteros. Um de seus livros de mais sucesso é "As crônicas de Fedors". Aldemir é fã das criações de Stan – Lee, do mestre Tolkien  e do brasileiro Maurício de Souza. Os seus livros prediletos sempre foram ficção científica e Fantasia.


                                                                         Author

Aldemir Alves was born in 1981 in Uberlândia / MG - Brazil. Currently, he works as a graphic design and co-editor at Selo Jovem publishing house. It is a contemporary brazilian author, and then with his first book published in 2011, he began to stand out in a fantasy setting, with new opportunities to publish your books in some publishers. He wrote stories of epic fantasy, supernatural, and tales based on the world of Esteros. One of his most successful books is "The Fedors’s Chronicles." Aldemir is a fan of the creations of Stan Lee, Tolkien and the Mauricio de Souza, a brazilian guy. Your favorite books have always been science fiction and fantasy.

http://www.wattpad.com/49373918-the-chronicles-of-fedors-book-1


                                                                              The Fedors’s Chronicles



Synopsis

         My conscience is disturbed by thousand of voices and each voice brings me thousand of stories, and each story I am sentenced villain. I will back in time for to repair my mistakes, I want to redeem myself, I will offer my kingdom, all my gold and my own soul, if this is necessary. Esteros leads us to a medieval world, where kings become individualistic men, children are encouraged to do good, above anything, even the evil is no longer feared. However, innocence is inevitable for a tribe who only wish peace. Vamcast, the boy who tried to dominate the world when he was 13, he hadn’t friends and he always tried to win the love of your father. Your father is a cold and careless man, and because this, he missed the way he created your son. A careless ruler brings chaos for your tribe, but a rational man needs to correct your own mistakes.
 
News to english version

http://esterostrilogia.blogspot.com.br/2014/05/the-fedorss-chronicles-translation-of.html



Todas as obras em promoção na Amazon e no site da Selo Jovem.

Digital:

http://www.amazon.com.br/s?_encoding=UTF8&field-author=Aldemir%20Alves&search-alias=digital-text

Impresso:

http://selojovem.com.br/pd-6d3ff-as-cronicas-de-fedors-livro-1.html


Redes sociais:




O projeto Esteros:

Os livros de Esteros – As crônicas de Fedors; é uma saga de livros criada pelo autor Aldemir Alves. Fã desde garoto de livros do tema fantasia; iniciou no ano de 2010 o seu primeiro projeto. Desde a primeira edição o livro chamou atenção dos leitores pela premissa de criar um mundo mágico, inédito e inexplorado. Esteros apresenta um novo mundo imaginário ao leitor, fala de amor, família, crenças, mitologias e mais importante; ensina que todos nós somos responsáveis pelas nossas próprias escolhas.

Esteros nos leva a um mundo medieval, onde reis governam os seus continentes com grande sabedoria, crianças são incentivadas a fazer o bem acima de qualquer coisa, até mesmo a morte deixa de ser temida.

Para Esteros o autor criou o seu universo particular, iniciou toda a sua mitologia desde o início da humanidade, nos apresentando o lado bonito da vida, mostrando as tentações que nos corrompem, ditando como a ingenuidade pode ser o início de um grande sofrimento...

- Foram cem anos de paz, até que um erro; destruiu um século de abstinência. Seria incorreto esconder de seus filhos, que vivemos em um mundo desumano? - Mussafar cometeu tal erro, e pagou caro por ele!

- Até quando, alguém que amamos pode ignorar os nossos sentimentos? - Essa poderia ser a pergunta de Vamcast ao seu pai, mas ele nunca a fez. Talvez o garoto fosse tímido, ou talvez temesse uma reprima que poderia marcá-lo ainda mais... O seu irmão “Andor” era sim o predileto, mas a sua inocência saberia diferenciar a afetividade de seu pai por si? - Com certeza, Não...

Esteros na mídia:

Esteros antes de arrumar uma editora, foi escrito e disponibilizado em 2010 no site: Club do autor. Onde autores podem disponibilizar os seus títulos gratuitamente e até comercializa-los. Aldemir vendeu alguns títulos antes de ser publicado, teve como incentivo à boa aceitação do seu trabalho pelos leitores e blogueiros, usando isso como incentivo para prosseguir na carreira de escritor. Por esse motivo, o livro já conta com várias resenhas e avaliações, que podem ser lidas na (Web) ou no (Skoob).


Dados técnicos da obra:

Edição: 2
Ano: 2014
Editora: Selo Jovem
ISBN: 978-85-66701-03-6
Gênero: Fantasia medieval - Épico 
Páginas: 400
Papel: Pólen 80 gramas amarelado
Livro ilustrado
Formato: 14 x 21 cm

 
Sinopse:

Fedors. “A minha consciência é atormentada por milhares de vozes e cada uma traz-me milhares de histórias, e em todas elas eu sou o vilão condenado. Voltarei no tempo para consertar meus erros. Eu quero me redimir, ofertarei o meu reino, todo o meu ouro, e se necessário, a minha própria alma.”
Esteros nos leva para um mundo medieval, onde reis se tornam homens individualistas, crianças são incentivadas a fazer o bem acima de qualquer coisa, e até mesmo o mal deixa de ser temido. Entretanto, a inocência é algo inevitável para um povo que só preza a paz.

Vamcast, o menino que desejou dominar o mundo aos 13 anos não tinha amigos e buscava constantemente o afeto do pai que era um homem frio e descuidado. Por ser assim errou na criação do seu filho. O governante descuidado traz o caos ao seu povo, mas um homem sensato precisa corrigir seus próprios erros.

Compre:

Skoob:

Outros livros do autor:

Aldemir Alves conta com três séries em andamento, o primeiro livro da série Esteros foi publicado em 2012 pela Baraúna, e no início de 2013 pela Ed. Selo Jovem.O Segundo Livro "Sobreviventes" foi publicado em Junho 2013 pela Editora Selo Jovem, Sobreviventes narra um apocalipse baseado na visão de João Batista, profeta do novo testamento bíblico. O terceiro livro " O Portal de Oriun" Narra a história de dois irmãos que aos descobrirem que não são humanos partem para uma jornada cheia de mistério e descobertas (o livro ainda não foi publicado).

Leiam mais:



Os filhos de Egoz – O portal de Oriun
 
O livro usa as mitologias nórdica, grega e egípcia como base, a história narra uma jornada de dois irmãos que descobrem que não são humanos e que seu mundo está sendo alvo de uma calamidade, envolvendo o próprio “Hades”, o livro incrementa monstros mitológicos e deuses pagãos conhecidos na trama, até mesmo o apocalipse dos deuses conhecido como  “o Ragnarok” estará em meio à narrativa.
O portal de Oriun é uma história principalmente baseada nas mitologias nórdica e grega, também egípcia, com participações de deuses, como: Hades, Poseidon, Loki, Zeus, Cronos, Gaia, etc.
Citação:

“Um mundo, suas crenças, seus treinamentos, um rei e sua família. O poder apresentado de uma forma verdadeira: afinal não importam suas armas, e sim suas verdadeiras intenções”.

Sinopse:

Em um mundo; onde a magia existiu de verdade, onde a paz e igualdade antes jamais abalada. Um tirano ergueu-se dentre as trevas, com ele veio à sede pelo poder a qualquer preço. Alianças foram abaladas, vidas sacrificadas, batalhas travadas - a supremacia benéfica deixou de existir. A ganância de Zarc se alastrou infinitamente, até mesmo as crianças eram obrigadas a integrar os seus exércitos. A terceira parte de Orion havia sido devastada completamente. Após 15 anos de tormenta, a esperança ressurge novamente - renasce, junto aos filhos de Egoz.

Livro no Skoob:

A venda na Amazon:



E por fim, sobreviventes, onde é narrado o fim da humanidade na visão bíblica, baseando tudo na visão do profeta João Batista que profetizou eventos catastróficos e fenômenos paranormais bíblicos. Esse livro é diferente de todos os outros que o autor já escreveu, e nele  Aldemir promete ser; poeta, fantasista,  e ao mesmo tempo verídico!

Sinopse - Sobreviventes 

Em Sobreviventes, Marcus é o personagem principal. O livro se passa na cidade de São Paulo e acontecimentos inesperados mudarão a vida deste rapaz. Se existe vida após a morte ela não é boa para Marcus, pois existe uma guerra entre os Ranoks e Siens, inimigos imortais do submundo. Os Siens são os inimigos da vida e planejam destruir os seres vivos, em seguida extinguir a raça mortal. Ranoks são espécies de guardiões pós morte, lutam a favor do ciclo e mantém o equilíbrio do universo, Marcus deveria morrer como todos os mortais e ser julgado pelos seus atos no mundo dos vivos, mas inexplicavelmente alguém interferiu em sua história e mudou todo o seu destino. Incertezas e lamentações serão o seu legado após esse dia.

Edição: 2013
Tamanho: 12 x 17 cm, livro de bolso
Editora: Selo Jovem
ISBN: 978-87-66701-05-0
Ano: 2013
Categoria: Romance sobrenatural

Páginas: 190

Venda:

Skoob:
http://www.skoob.com.br/livro/184714-sobreviventes

Seleção Brasileira, a vergonha da Copa do mundo 2014

Posted by Aldemir Alves da Silva


Copa do mundo, Brasil, um vexame para ser apagado de nossas memórias.

“Humilhação” não é nada demais usar tal palavra, afinal, éramos antes de hoje; a maior seleção do mundo, a mais respeitada “entre aspas”, a que participou de todas as copas, a das 5 estrelas, a do rei do futebol, a seleção do maior goleador...

Mas hoje somos a piada, à maior de todos os tempos, 7 a 1 contra Alemanha, 3 a 0 contra Holanda = 10 gols em 2 jogos. Quem diria que não faríamos história jogando em casa? E fizemos, maior do que 1950 com o Maracanaço, agora é Mineiraço! Humilheixon, com direito a olé e aplausos da torcida brasileira para os Alemães.

Quem diria que seríamos humilhados dessa forma, massacrados, pisoteados... Somos 200 milhões de sofredores, sofredores sem hospitais, sem saúde, sem direito à uma educação decente e agora sem o tão sonhado título. Somos brasileiros, não desistimos nunca... Não desistimos? Que piada! Nós desistimos no primeiro tempo, logo no primeiro gol... esses são nossos craques, jogadores consagrados que jogam nas maiores equipes do mundo, jogam lá fora mas que aqui NÃO JOGARAM NADA, podem ser até considerados craques lá fora, desses que se sustentam nas costas dos grandes estrangeiros, mas vamos ser sinceros, aqui não jogam NADA! Nossa safra é deprimente, não sabemos mais driblar, não temos mais um camisa 10 de qualidade, hoje em dia nosso 10 é o atacante, nossos laterais são “AV. Daniel Alves” e olha que reclamávamos de Roberto Carlos, e  Nosso meio campo? Onde está ele? Ah, talvez sejam aqueles volantes duros sem habilidades, aqueles jogadores que dão a bola para o adversário.

Tomamos 7, mas era para ser 10...

Ah, mas a Alemanha é a maior equipe do mundo, são jogadores incríveis... Qual Alemanha? Essa que humilhou o Brasil? Porque aquela que jogou contra Argélia, Contra Nigéria não é tudo isso, mas talvez Argélia seja uma grande seleção mesmo, o Brasil que é um timeco de jogadores medíocres e com emocional fraco.

Ouvi falar de um “Cone atacante”, Fred esse é o cara, o cara que não chutou para o gol durante todo o mundial. Tínhamos outros jogadores e um técnico JUMENTO, um teimoso orelhudo que convocou Jô e Fred, Julio Cesar e Fernandinho, que piada, ainda tem Bernard e Hulk, meu deus! 

Vamos ser sinceros... Nosso futebol é uma piada, o campeonato brasileiro está decadente, não formamos mais craques, nossos estádios não enchem mais, a torcida não tem mais excitação pelo futebol. Os times estão falidos, a seleção não joga mais no próprio país, não é mais nossa há muito tempo... Só temos Neymar o moleque magricela, a esperança de 200 milhões de brasileiros esteve nas costas de um garoto de 22 anos, um milionário que ganha 11 milhões por mês, e a costela quebrou, o peso era muito grande!

Olha aonde chegamos, cadê nosso Pele, Garrincha, Tostão? Nossos jogadores não jogam mais no Brasil, hoje em dia não ensinamos mais o mundo a jogar bonito, hoje aprendemos a jogar feio, truncado, aprendemos a dar pancada e dar bicuda. É, não somos mais o país do futebol, agora somos o país da vergonha, da humilhação, somos a piada, a maior do mundo. Éramos 5 estrelas, à sim, mas isso num tempo que sabíamos jogar futebol, as crianças nunca virão o Brasil ser campeão, e sinto dizer... isso não acontecerá nunca mais porque hoje somos pior do que Argélia!!!

Depois de tanto ouvir que essa era a COPA das COPAS eu estava me convencendo que era mesmo, era a copa da garra, do sufoco, da glória, que infelizmente se transformou na COPA DA PANE, DO Psicológico FRACO E DA VERGONHA. Pessoas torcendo, chorando e vibrando, crianças acreditando, crianças que nunca viram o Brasil ser campeão... é, mas continuarão não vendo, talvez não vejam nunca porque nosso futebol MORREU há muito tempo.  Um campeonato disputado no Brasil, numa época em que vivemos uma crise política e tantas manifestações, poxa SELEÇÃO, nós precisávamos disso, precisávamos dessa copa!
O que houve com a nossa seleção?

É gente, o sonho acabou, um fim melancólico, e foi patético! Nosso futebol morreu, gente, nosso atacante é o Fred e não temos mais Ronaldo!

Falta de incentivo não foi pois eu jamais vi uma seleção tão amada pelo brasileiro, nem em 2002 os torcedores abraçaram tanto o time como agora, nunca acreditamos tanto em nossos jogadores, jamais fomos tão otimistas. E quando os críticos detonavam o time que empatou 2 jogos e ganharam apenas 3 nós comprávamos briga, eu mesmo xinguei e briguei muito com os comentaristas pessimistas do ESPN, fui até bloqueado no twitter... Que ironia, eles estavam certos a todo o momento, eu errado. Foi um erro te amar seleção, “mas eu não erro outra vez”, e jamais serei tão otimista em outra copa do mundo, isso, eu prometo!!!

Enfim...

Eu deixei de acreditar, já havia desanimado do nosso futebol há algum tempo, e agora tenho certeza de que não somos mais o país do futebol, não somos mais alegres e ousados, não temos mais jogadores como antes, e se não temos; precisamos abandonar essa seleção; temos que deixá-los de lado, precisamos de provas, que eles provem que merecem o nosso respeito.

Não somos mais o país do futebol. Somos mesmo é um país dos parasitas, dos ladrões, dos canalhas e dos políticos sujos! 

Parcerias com blogs literários vale a pena?

Posted by Aldemir Alves da Silva



Hoje vou abordar um tema que poucos autores têm coragem de falar abertamente, mas que evidentemente, muitos compartilham da mesma opinião que eu.

Parcerias com blogs literários vale a pena?

Escrevendo e vendendo meus livros Os livros de Esteros3 anos eu descobri um fato lógico e pouco mencionado pelo autores atuais, mas é algo muito importante e que deve ser passado aos que estão iniciando no mundo da escrita.

Em minha opinião, pois NÃO fecho muitas parcerias; eu tenho minhas dúvidas quanto à essa questão... penso que antes de fechar uma nova parceria, é preciso analisar bem o candidato. Na  maioria das vezes, analisando muitos candidatos, cheguei a conclusão de que NÃO VALE A PENA!

Hoje em dia as editoras e autores estão muito mão aberta com os blogs, prova disso é o aumento desenfreado de blogs literários na web. Há muitos blogueiros com 3 à 4 blogs na web pedindo parcerias como se fossem uns loucos-literários, sim LOUCOS  mesmo, pois a intenção é só de aumentar a biblioteca em casa, muitos sequer leem o livro, e na maioria das vezes nem um obrigado dizem ao "autor - guerreiro" que luta tanto pelo sonho mas que na maioria das vezes acaba num pesadelo. O pior é que há também aqueles que pedem e não lê, e além de não ler, ainda vendem os livros no mercado livre, bom negócio e em vários sebos... E vamos falar verdade, à GRANDE maioria nem tem criatividade na hora de pedir parceria, mandam textos que mais parecem um "discurso político pré-escrito".

Os blogueiros, ao contrário do que muitos pensam, NÃO são consumidores finais de um livro, sendo que em sua GRANDE maioria buscam parcerias com editoras e autores quando tem interesse no livro, mas poucos adquirem a obra.

Conclusão:

O lado positivo disso é que o autor na maioria das vezes é estreante, investiu uma boa quantidade de dinheiro na publicação e está procurando divulgação de seu nome e marca. isso é positivo, sim. Mas por outro lado, ao meu ver, só vale a pena fechar parcerias caso o blog seja bem popular e com boa repercussão na web.

Na verdade, é de suma importância que um autor faça parcerias e divulgue seu trabalho utilizando os sites e blogs, mas é fato: quantidade de resenhas na web não significa que o livro teve boas vendas. Não vou negar que muitos leitores buscam informações na internet antes de comprar ou se interessar por um livro, isso é fato, só que por outro lado, a "nata" de leitores em sua maioria não possuem um blog e não têm o costume de resenhar livros...

Um autor deve ter como meta conquistar e chamar atenção do "leitor final", parcerias só com sites/ blogs sérios e com bastante público, só vale a pena fechar com aqueles sites comprometidos a postar e resenhar na data correta, uma pessoa sincera e analítica que o ajudará a evoluir e amadurecer como autor.
 
Digo isso com muita convicção e propriedade, pois na maioria de minhas vendas para leitores interessados no meu livro 5% fez resenha da obra, outros 95% leram e elogiaram, mas sem resenhas... Muitos leitores que compraram meu livro direto comigo nem sabem que é possível criar um blog e compartilhar suas opiniões com outros leitores, muitos nem ao menos conhecem o Skoob.

Já os blogueiros: 50% leram e resenharam, outros 50% eu nem sei se estão vivos ou se o blog  ainda está ativo na web...

Nota final:

O interesse em criar esse post não é o de detonar os blogs literários sérios, mas sim, passar aos novos autores as minhas opiniões e experiências no mundo literario.

E vocês o que acham sobre isso?

Os livros de Esteros 40% desconto e frete grátis

Posted by Aldemir Alves da Silva

Pessoal, tenho novidades para vocês.

PINTOU UMA OPORTUNIDADE ÚNICA para quem sempre quis ler As crônicas de Fedors pelo menor preço, meu livro está em promoção, só 23,11 e com frete grátis. Livro em sua 2° edição, 400 páginas, papel amarelo pólen, todo ilustrado, livro lindo!

Agora não tem desculpa que livro nacional é caro, 23,11 descontando o frete o livro sai menos do que 14,00 reais, muito barato pelo tamanho e qualidade da obra.

Há, e está vendendo bem, tá quase esgotado, quem demorar a comprar vai perder hein.




O preço original era 38,00 e agora está 23,11 somando temos um desconto maior quer 40%.

http://www.selojovem.com.br/pd-a9c58-as-cronicas-de-fedors-livro-1.html?ct=&p=1&s=1
Fedors. “A minha consciência é atormentada por milhares de vozes e cada uma traz-me milhares de histórias, e em todas elas eu sou o vilão condenado. Voltarei no tempo para consertar meus erros. Eu quero me redimir, ofertarei o meu reino, todo o meu ouro, e se necessário, a minha própria alma.”

Esteros nos leva para um mundo medieval, onde reis se tornam homens individualistas, crianças são incentivadas a fazer o bem acima de qualquer coisa, e até mesmo o mal deixa de ser temido. Entretanto, a inocência é algo inevitável para um povo que só preza a paz.

Vamcast, o menino que desejou dominar o mundo aos 13 anos não tinha amigos e buscava constantemente o afeto do pai que era um homem frio e descuidado. Por ser assim errou na criação do seu filho. O governante descuidado traz o caos ao seu povo, mas um homem sensato precisa corrigir seus próprios erros.

Edição: 2
Editora: Selo Jovem
ISBN: 978-85-66701-03-6
Ano: 2014
Páginas: 400
Formato: 14 x 21 cm



Fan Page:
https://www.facebook.com/OsLivrosDeEsteros?ref=hl

Twitter do autor:
https://twitter.com/LivrosdeEsteros

Blog do livro:
http://esterostrilogia.blogspot.com.br/

Skoob:
http://www.skoob.com.br/livro/186960-os-livros-de-esteros

Aproveite e compre o seu:

http://www.selojovem.com.br/pd-a9c58-as-cronicas-de-fedors-livro-1.html?ct=&p=1&s=1

Esteros livro digital